Maria Ivone Vairinho e Poetas Amigos

Junho 07 2010

 

“O poeta é um fingidor… “

como Pessoa referiu.

Mas é comunicador,

ao expressar o que sentiu,

diga ele o que disser…

Sejam as rimas de amor,

de felicidade,

ou de prazer…

Ou então rimas de dor,

de saudade,

ou de sofrer…

Certo é que a poesia

que brota da sua pena,

com pesar ou alegria,

é pois comunicação…

De uma alma

não pequena,

com amor no coração…

 

António Boavida Pinheiro

Postado por Liliana Josué

 

 

publicado por cantaresdoespirito às 22:53

Junho 07 2010

Quantas saudades sinto já de ti

Praia da Rocha, amor da minha vida,

Amante do teu mar, fico perdida

Nas horas de candura paz senti.

 

Na calma dum cenário rio vivi

De terna sedução louca sentida,

Olhando maresia vou de partida

Caminhando no sonho que cingi.

 

À cidade regresso sob magia

Com teu cântico, sons de melodia,

Vou desvendando lendas venturosas.

 

Adeus… mais um olhar, meu terno beijo,

Levo comigo ânsia, sol, desejo,

Perfume do teu cheiro, mar de rosas.

 

Judite da Conceição Nunes Higino

Postado por Liliana Josué

publicado por cantaresdoespirito às 22:49

Junho 07 2010

 

(180 Anos Depois)

 

Na luz da vida foste terra Mãe

Do poeta qu’a Cartilha escreveu,

Esse livro qu’então valor me deu

Na poesia por amor de luz também.

 

Expandido com mérito além

Sem autor conhecer o povo leu,

Notável obra, firme apogeu,

Foi João de Deus, que Deus lá tem.

 

Messines tem orgulho da sua gente,

E recebe com paz resplandecente,

Na cultura, veemente gratidão.

 

Neste dia Mundial só de Poesia…

Venho homenagear o nosso guia,

Um Algarvio de nobre coração.

 

Judite da Conceição Nunes Higino

Postado por Liliana Josué

 

publicado por cantaresdoespirito às 22:45

Junho 07 2010

Sou manhã, sou alvorada

Sou a maré agitada

Em constante movimento

Sou rédea, que me segura

Sou trevas, sou noite escura

Sou tristeza sem lamento

Sou tarde a chegar ao fim

Sou a terra dum jardim

Que deu fruto! deu flor!

Eu sou arvore decepada

Eu sou lenha amontoada

Sou a musa sem amor

Sou o marulhar da fonte

Perdida! no horizonte

Sou eco que não tem voz

Sou o silêncio profundo

Sou uma aresta no mundo

Sou boca de rio, sem foz

Sou um relógio de sala

Sem corda, por isso cala

A hora, em cada verdade

Sou instrumento parado

A um canto desprezado

Sou desejo! sou saudade!

Sou vento! corrente d’ar!

Sou forma do verbo amar

Do passado e do presente

Sou fruto por descobrir

Pecado por redimir

Sou fome! que a alma sente

Sou a mesa sem toalha

Sou uma simples migalha!

Eu sou o prato quebrado

Sou a cadeira sem fundo

Um verme ! p’ra lá do mundo

Sou um deserto isolado

Sou nora sem alcatruzes

Ao benzer-me, faço cruzes

Sempre que me vou deitar

Sou pargana sem espiga

O destino, assim obriga

Se é que me deva queixar!

Só a lua tagarela

Me leva à certa, com ela

Ao falar-me do passado

Sou lembrança a reviver

Sou espada a combater

Este rumo malfadado!

Sou arma descarregada

Eu já pouco valho, ou nada

Já perdi a pontaria

Quero ver a paz na terra

Sou contra a luta e a guerra

E até mesmo à burguesia

Eu sou barco a naufragar

Na ânsia de me salvar!

Dos malefícios da vida!

Quantas vezes perco o sono?

Que me valha o meu patrono!...

Eu sou a sede incontida!

Sou o baralho das cartas

Que da mesa já estão fartas

Mais baralhar? eu não vou!

Fui tudo o que aqui narrei!

Cantei, amei e chorei!

Até já nem sei quem sou!

 

10/10/1993

 

Lisdália Viegas dos Santos

Postado por Liliana Josué

 

 

 

publicado por cantaresdoespirito às 21:26

Este blogue está aberto aos co-autores e Poetas Amigos de Maria Ivone Vairinho
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10

15


27


links
pesquisar
 
Tags

11 poemas inéditos de carlos cardoso luí(1)

25 anos app(11)

ada tavares(18)

adriano augusto da costa filho(39)

albertino galvão(11)

albina dias(18)

alfredo martins guedes(2)

ana luísa jesus(4)

ana patacho(3)

anete ferreira(3)

antónio boavida pinheiro(22)

app(5)

armindo fernandes cardoso(3)

bento tiago laneiro(5)

carlos cardoso luís(13)

carlos moreira da silva(2)

carmo vasconcelos(22)

catarina malanho semedo(2)

cecília rodrigues(48)

cláudia borges(8)

dia da mãe(8)

dia da mulher(9)

dia do pai(6)

donzília martins(8)

edite gil(68)

elisa claro vicêncio(4)

euclides cavaco(100)

feliciana maria reis(4)

fernando ramos(20)

fernando reis costa(3)

filipe papança(11)

frances de azevedo(2)

gabriel gonçalves(14)

glória marreiros(20)

graça patrão(6)

helena paz(15)

isabel gouveia(3)

jenny lopes(11)

joão baptista coelho(1)

joão coelho dos santos(7)

joao francisco da silva(4)

joaquim carvalho(3)

joaquim evónio(9)

joaquim sustelo(70)

judite da conceição higino(4)

landa machado(1)

liliana josué(45)

lina céu(5)

luis da mota filipe(7)

manuel carreira rocha(4)

margarida silva(2)

maria amélia carvalho e almeida(6)

maria clotilde moreira(3)

maria emília azevedo(5)

maria emília venda(6)

maria fatima mendonça(2)

maria francília pinheiro(3)

maria ivone vairinho(14)

maria jacinta pereira(3)

maria joão brito de sousa(69)

maria josé fraqueza(5)

maria lourdes rosa alves(4)

maria luisa afonso(4)

maria vitória afonso(8)

mário matta e silva(20)

mavilde lobo costa(22)

milu alves(6)

natal(16)

odete nazário(1)

paulo brito e abreu(6)

pinhal dias(9)

rui pais(8)

santos zoio(2)

sao tome(10)

susana custódio(15)

tito olívio(17)

vanda paz(23)

virginia branco(13)

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO